* Todos os campos são obrigatórios

curso

voltar
  • Objetivos do curso

  • Apresentação e Justificativa: Com mais de 80% de sua população vivendo em áreas urbanas, o Brasil precisa rediscutir e avaliar periodicamente o crescimento de suas cidades. A segregação socioespacial tornou-se uma infeliz marca deste rápido processo de urbanização em nosso país e também se manifesta pelo desequilíbrio na oferta de áreas verdes em espaços urbanos. É preciso pensar estratégias, políticas, programas e projetos para aumentar a oferta de parques, praças, jardins e outros espaços com predomínio de vegetação. O desafio não é simples, mas é essencial para os governos locais que buscam criar cidades mais habitáveis e espaços públicos mais atraentes para o convívio humano e interação social. A criação e manutenção de áreas verdes é parte importante de um governo que elege este viés sustentável como marca.

    Este curso faz parte do calendário 2014 de atividades subsidiadas pela Fundação Konrad Adenauer (FKA), fundação política alemã de orientação democrata-cristã e parceira estratégica da Oficina Municipal. A FKA leva o nome do primeiro Chanceler do período pós-Segunda Guerra Mundial que liderou o processo de reconstrução política, social e econômica da Alemanha. Adenauer foi um Estadista compromissado com o fortalecimento da Federação ao promover a cooperação entre as três esferas de governo e a autonomia dos Municípios. Por isso a Oficina Municipal e a FKA buscam juntas realizar a missão institucional de colaborar com o fortalecimento da Democracia e da Gestão Pública no plano municipal. Outras informações podem ser obtidas no website www.kas.de/brasil

    Objetivo do Curso:

    a)     Apresentar os conceitos básicos para que um gestor público possa entender e analisar a situação de áreas verdes em sua cidade;

    b)     Elencar as principais fontes de degradação de áreas verdes em espaços urbanos;

    c)     Sugerir ferramentas e técnicas de monitoramento e prevenção de áreas verdes que podem ser utilizadas por governos municipais;

    d)     Contextualizar as possibilidades oriundas da educação ambiental e da participação social como estratégia de preservação de áreas verdes em espaços urbanos. 

    Inscrição Gratuita: Por tratar-se de atividade subsidiada pela Fundação Konrad Adenauer, este curso é oferecido exclusiva e gratuitamente a servidores públicos municipais lotados em Prefeituras, Câmaras Legislativas e Governos Estaduais. Para democratizar o acesso, possibilitando a participação de um número maior de municípios, fica estabelecido o limite de 3 (três) inscrições por Prefeitura ou Câmara Municipal. Quando houver mais interessados na atividade a Oficina Municipal abrirá listas de espera para montagem de nova(s) turma(s). Também é possível realizar a atividade in company, sob encomenda, na sede de sua Prefeitura ou Câmara Municipal. IMPORTANTE: Os participantes inscritos que por ventura desistirem da vaga, deverão informar a Oficina Municipal com antecedência mínima de 3 (três) dias úteis anteriores à realização da atividade; Os participantes inscritos que não informarem sobre a desistência ou não comparecerem, ficarão impossibilitados de participar de quaisquer atividades gratuitas da Oficina Municipal por um período de 12 (doze) meses.

    Temas:
    Meio Ambiente

  • Programa completo

  • Roda de apresentação dos participantes e mapeamento de expectativas

    Apresentação individual dos participantes e mapeamento das expectativas, permitindo a otimização dos trabalhos do dia; Apresentação da missão, visão e valores da Oficina Municipal e da Fundação Konrad Adenauer, contextualizando os temas da cidadania, política e federalismo no exercício do programa de formação.

    ÁREAS VERDES URBANAS

    Apresentação da proposta do curso Conceitos e definições: entender as particularidades das diferentes áreas verdes que compõem a Floresta Urbana; Importância da Floresta Urbana: árvores para quê?

    DEGRADAÇÃO DE ÁREAS VERDES EM ESPAÇOS URBANOS

    Fatores de degradação das áreas verdes: principais causas de degradação; Estudos de caso: três situações representativas.

    MONITORAMENTO E PREVENÇÃO

    Legislação: as leis que devem e podem direcionar a gestão pública; Planejamento e monitoramento: planejamento como ponto de partida para a gestão de áreas verdes; Gestão como exemplo: a educação no dia a dia da cidade.

    PARTICIPAÇÃO POPULAR E EDUCAÇÃO AMBIENTAL

    Gestão participativa: os munícipes como participantes da gestão dos espaços públicos; Exemplos de gestão participativa: espaços da cidade cuidados por todos; Ações de educação para o ambiente: o que pode e o que deve ser feito para se alcançar uma “gestão verde”.

    Roda de Diálogo e Avaliação do curso

    Descrição

  • Professores

  • Oficinamunicipal-grid_2

    Marilia Fanucchi

    Superior com Mestrado

    Bióloga, Mestre em Ciências de Engenharia Ambiental, doutorado não concluído em Filosofia da Educação. Ampla experiência em educação para sustentabilidade, gestão de conhecimento e gestão pública. Atuou na elaboração, coordenação e aplicação de projetos voltados à educação ambiental visando a capacitação de professores e monitores ambientais, formação de agentes ambientais, formação de voluntários e formação de jardineiros em São Paulo e Paraty (RJ). Foi gestora de equipamentos públicos junto à Secretaria do Verde e Meio Ambiente da Prefeitura de São Paulo. Participou ativamente da elaboração do Plano de Gestão e Manejo dos Parques Municipais de São Paulo. Atuou como coordenadora de conselhos participativos e comissões de políticas públicas e também como mediadora de conflitos socioambientais. Participou ativamente da organização do grupo de discussões sobre Áreas Verdes Urbanas promovido pela Prefeitura de São Paulo. Foi analista de Projetos de Educação junto ao SESCOOP SP, atuando com Educação Cooperativa. Atualmente é Assessora Especial na Subsecretaria de Energias Renováveis, SEE-SP. Acompanha as atividades de diversos coletivos pela cidade, atividades da Comissão Extraordinária de Meio Ambiente e da Frente Parlamentar pela Sustentabilidade na Câmara Municipal de São Paulo. É voluntária do GT de Meio Ambiente da Rede Nossa São Paulo e é membro do grupo executivo do Fórum Suprapartidário por uma São Paulo Saudável e Sustentável.

  • Coordenadores

  • Noimg-grid_2

    Eder Brito

    Mestre em Administração Pública (Korea  University); Mestrando em Gestão de Políticas Públicas (EACH-USP). Jornalista, pós-graduado em Comunicação Organizacional. Coordenador de Projetos da Oficina Municipal.

  • Público alvo

  • Prefeitos, Secretários, Vereadores, Servidores Públicos, colaboradores de ONG’s conveniadas com governos municipais.

  • Parceiros

  • Fundação Konrad Adenauer

Oficina Municipal

Rua Padre Garcia Velho, 73 cj 61/64
05421-030, Pinheiros
São Paulo/SP Brasil