* Todos os campos são obrigatórios

Fique por dentro dos cursos e eventos realizados pela Oficina Municipal!

curso

voltar
  • Objetivos do curso

  • a)    Apresentar possibilidades de investimento no desenvolvimento de organizações públicas, privadas ou do terceiro setor por parte das Prefeituras, através da ampliação das potenciais fontes de recursos e parcerias;

    b)    Esclarecer os passos necessários para a estruturação de um departamento de captação de recursos em uma organização;

    c)    Identificar as características do perfil do administrador público na realização desse trabalho, debatendo o envolvimento comunitário e a estrutura da elaboração de projetos.

     

    RESULTADO ESPERADO: O participante entende melhor a diferença entre a captação de recursos bem estruturada e profissional quando comparada a captação de recursos amadora. O cursista também está apto a iniciar a estruturação de um departamento, montagem e orientação de uma equipe exclusiva para a captação de recursos em sua organização. 

    Temas:
    Finanças / Orçamento / Controle

  • Programa completo

  • Introdução a Captação de Recursos

    Introdução aos conceitos fundamentais da captação de recursos; desmistificação de conceitos equivocados sobre o tema; Histórico brasileiro resumido e análise comparada com outros países.

    Diversificação Das Fontes de Financiamento

    Existem novas formas de obtenção de recursos mais além dos tradicionais repasses e cobrança de impostos? Como algumas cidades tem buscado formas alternativas para realizar ações de desenvolvimento?

    Recursos Federais e Recursos de Emendas parlamentares

    Destacaremos uma das formas de repasse federal aos municípios, que trata das transferências voluntárias. A operacionalização dessas transferências é, em regra, viabilizada por meio de convênios ou contrato de repasses. Emendas parlamentares: mecanismo subutilizado de transferência de recursos e muitas vezes visto com desconfiança. Quais os procedimentos e iniciativas para desenvolver parcerias virtuosas?

    Departamento de Captação de Recursos

    Requisitos mínimos; planejamento de campanhas de captação; Definição das metas e necessidades de arrecadação; perfil do captador; novas ferramentas de captação de recursos.

    Mobilização de Recursos

    Recursos não necessariamente precisam estar atrelados ao orçamento municipal. Mobilizar recursos significa focar na ação social, envolvendo parceiros que por vezes são gestores sem serem da máquina pública.

    ONGs, OSCIPS e Alianças Estratégicas

    O que se poder aprender das experiências do terceiro setor na diversificação de fontes? Quais as iniciativas que vem demonstrando solidez e interesse público? Como estimular alianças estratégicas em seu município?

    Experiências Exitosas na mobilização de recursos para o desenvolvimento comunitário

    Municípios que deram o salto necessário para o desenvolvimento através de experiências integradas entre diversos atores sociais.

    Envolvimento Comunitário

    Pode-se optar por buscar recursos dentro do gabinete ou envolvendo a comunidade na busca de soluções sociais. Quais os passos para que isso possa ocorrer em seu município.

  • Professores

  • Oficinamunicipal-grid_2

    Marcelo Estraviz

    Escritor, empreendedor, palestrante, ativista. Fundador e ex-presidente da Associação Brasileira de Captadores de Recursos (ABCR); conselheiro do Greenpeace, do Instituto Filantropia, do Cidade Democrática e do Engajamundo. Autor dos livros "Captação de Diferentes recursos para organizações da sociedade civil“. É Empreendedor Cívico da RAPS - Rede de Ação Política pela Sustentabilidade. É Presidente do Instituto Doar, que atua em prol da cultura de doação no Brasil, através do Dia de Doar e da iniciativa certificadora de ONGS.

  • Coordenadores

  • Noimg-grid_2

    Eder Brito

    Mestre em Administração Pública (Korea  University); Mestrando em Gestão de Políticas Públicas (EACH-USP). Jornalista, pós-graduado em Comunicação Organizacional. Coordenador de Projetos da Oficina Municipal.

  • Público alvo

  • prefeituras e gestores municipais, técnicos e assessores públicos, vereadores, professores, advogados, membros do judiciário e do legislativo, gestores de ONGs e outras entidades da sociedade civil organizada, profissionais liberais e demais interessados.

Oficina Municipal

Rua Padre Garcia Velho, 73 cj 61/64
05421-030, Pinheiros
São Paulo/SP Brasil