* Todos os campos são obrigatórios

Fique por dentro dos cursos e eventos realizados pela Oficina Municipal!

curso

voltar
Oficinamunicipal-grid_6

Desafios da Política no Brasil: Democracia e Desinformação - Férias

sob encomenda
  • Objetivos do curso

    1. Contextualizar a nova esfera pública, sob influência das inovações tecnológicas e dos novos paradigmas de produção da informação;
    2. Esclarecer quais são os potenciais impactos da circulação de informações falsas sobre a Democracia;
    3. Identificar os cuidados no uso das redes sociais quando utilizadas em campanhas políticas, comunicação governamental e no próprio exercício da cidadania;
    4. Auxiliar na educação digital e midiática, imbuindo os participantes de ferramental básico para cuidar da qualidade da informação em circulação.

    Metodologia:

    Devido a pandemia do novo Coronavírus, essa atividade foi adaptada para uma solução de E-Learning. As transmissões das aulas serão realizadas no Zoom, na conta da Oficina Municipal, exclusivamente para participantes previamente inscritos, os quais receberam o link da sala no Zoom por email.

    Temas:
    Cidadania e Política

  • Programa completo

  • Democracia, Hiperconectividade e Ética

    Como as novas tecnologias podem auxiliar na redução de déficits democráticos? A internet pode ser uma ferramenta de engajamento político-democrática? Os novos paradigmas de comunicação influenciam a maneira como o cidadão forma sua convicção acerca dos fatos cotidianos importantes para a vida pública?

    Democracia e Qualidade da Informação

    Quais são os impactos da desinformação para a Democracia? Qual é a importância de iniciativas e serviços pensados especificamente para checar a veracidade de fatos? Existem obstáculos e limitações para o processo de verificação da verdade?

    A prática do Jornalismo na era da Desinformação

    A importância de entender o processo de produção do jornalismo para aprender a consumir informação de qualidade. Como podemos comprovar a veracidade de uma informação, notícia? Qual o impacto das informações falsas para o exercício do jornalismo?

    Regulação da Desinformação no Brasil

    Quais são os riscos de uma regulação mal debatida ou apressada quando o assunto envolve a Desinformação e a circulação de notícias falsas? Qual é a capacidade do nosso Parlamento de construir respostas efetivas para disciplinar a circulação de informações falsas e seus impactos sociais e políticos? Será que precisamos de medidas punitivas ou necessitamos de políticas e ações de educação midiática contra as informações falsas?

    Democracia Participativa e o cidadão online: um guia de sobrevivência

    De que forma as novas tecnologias e a internet podem contribuir para o aumento da participação política ativa dos cidadãos? Como a mobilização online da sociedade civil pode influenciar as arenas decisórias e espaços de poder? Que posturas governos e cidadãos precisam buscar na nova esfera pública virtual?

  • Professores

  • Noimg-grid_2

    Eugênio Bucci

    Jornalista, graduado em Comunicação Social e em Direito pela Universidade de São Paulo, é doutor pela Escola de Comunicações e Artes da USP, onde atualmente é professor associado (livre-docente) na graduação e pós-graduação. Membro do Conselho Científico-Cultural do Instituto de Estudos Avançados da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Escreve quinzenalmente na página 2 do jornal "O Estado de S. Paulo". É colunista quinzenal da revista Época. É membro do Conselho Consultivo da Fundação OSESP (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo). Integra o Conselho Consultivo da Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial). Foi professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), entre 2010 e 2014. Foi presidente da Radiobrás de 2003 a 2007 e integrou o Conselho Curador da Fundação Padre Anchieta (TV Cultura de São Paulo) de 2007 a 2010. Na Editora Abril, foi diretor de redação das revistas "Superinteressante" e "Quatro Rodas", revistas mensais e Secretário Editorial. Ganhou o prêmio Luiz Beltrão de Ciências de Comunicação, na categoria Liderança Emergente (2011), o Prêmio "Excelência Jornalística 2011", da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), o Prêmio Esso de “Melhor Contribuição à Imprensa” (2013), concedido à "Revista de Jornalismo ESPM" da qual é Diretor de Redação, o Prêmio Tese Destaque USP por orientação no trabalho: “O príncipe digital: estruturas de poder, liderança e hegemonia nas redes sociais” da Dra. Maíra Carneiro Bittencourt Maia e foi o Jornalista Homenageado 2017 do Prêmio Especialistas - Negócios da Comunicação.

    Oficinamunicipal-grid_2

    Eduardo Magrani

    Doutor e Mestre em Direito Constitucional (PUC-Rio) e Coordenador do Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS Rio). Pesquisador Associado na Law Schools Global League e membro do Global Network of Internet & Society Research Center. Advogado atuante nos campos de Direitos Digitais e Propriedade Intelectual.

    Oficinamunicipal-grid_2

    Marcelo Träsel

    Jornalista, Doutor em Comunicação Social (PUC-RS) e professor do programa de Pós-graduação em Comunicação da UFRGS. Coordenador do grupo de pesquisa Jornalismo Digital (JorDi/CNPq).

    Noimg-grid_2

    Francisco Brito Cruz

    Doutor pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (FDUSP). Durante seu mestrado, Francisco foi pesquisador visitante no Centro de Estudos de Direito e Sociedade da Universidade da Califórnia - Berkeley (2013). Em 2011, conquistou o 1º lugar no Prêmio “Marco Civil da Internet e Desenvolvimento” da Faculdade de Direito da Fundação Getúlio Vargas (SP). Fundou e coordenou o Centro de Direito, Internet e Sociedade da Universidade de São Paulo (NDIS-USP, 2012-2014, 2016-2019). Ele também é advogado e membro da Comissão de Direito Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção São Paulo (2019-). Francisco é especialista em monitorar políticas públicas relacionadas à tecnologia e pesquisar sobre suas relações com a democracia. Foi co-autor dos trabalhos “Sobrevivendo nas Redes: Guia do Cidadão” (Moderna, 2018), “Direito Eleitoral na Era Digital” (alfabetização, 2019).

    Noimg-grid_2

    Heloisa Maria Machado Massaro

    Mestranda em Direito, Jurisprudência e Filosofia do Direito pela Universidade de São Paulo, onde também se formou em Direito (LL.B., 2018). Entre 2016 e 2017, foi estudante de intercâmbio na Escola de Relações Internacionais de Paris (PSIA) do Instituto de Estudos Políticos de Paris (Sciences Po - Paris), com foco em Direitos Humanos (2016-2017), com uma bolsa de estudos baseada em mérito acadêmico do International Exchange Scholarship Program. Fez parte da Clínica de Direitos Humanos da FDUSP (2014-2015) e também do Núcleo de Antropologia da Lei da FFLCH-USP (2015-2016). Realizou pesquisa de pós-graduação na área de antropologia na FFLCH-USP (2015-2016). Atualmente, ela é pesquisadora do InternetLab.

  • Coordenadores

  • Noimg-grid_2

    Eder Brito

    Mestre em Administração Pública (Korea  University); Mestrando em Gestão de Políticas Públicas (EACH-USP). Jornalista, pós-graduado em Comunicação Organizacional. Coordenador de Projetos da Oficina Municipal.

  • Público alvo

  • Cidadãos interessados em política, líderes comunitários, políticos e partidários, gestores e servidores públicos, jornalistas, produtores de conteúdo, profissionais do terceiro setor, empresários, profissionais liberais, professores e estudantes universitários, jornalistas, assessores políticos, professores secundaristas etc.

  • Parceiros

  • Fundação Konrad Adenauer - Konrad Adenauer Stiftung - KAS

Oficina Municipal

Rua Padre Garcia Velho, 73 cj 61/64
05421-030, Pinheiros
São Paulo/SP Brasil